PANTANAL SUL

Centro de Reabilitação de Animais Silvestres em Corumbá vai custar R$ 2,5 milhões


Por Dayane Medina 18/08/2021 sem comentários


Divulgação

A capital do pantanal, Corumbá, terá um CRAS (Centro de Reabilitação dos Animais Silvestres) que cai ter um investimento de R$ 2,5 milhões para a construção da unidade, que vai atender de forma especializada animais selvagens vítimas de acidentes, do tráfico e maus tratos. A obra será toda financiada com recursos do Governo do Estado e ficará na mesma área onde será construída a sede da Fundação do Meio Ambiente do Pantanal.

“Ter uma unidade do CRAS no coração do Pantanal é estratégico e vai ajudar a salvar um número cada vez maior de animais”, comentou o secretário Jaime Verruck.

O prefeito Marcelo Iunes (Podemos). afirmou: “Precisamos de um equipamento deste porte”.

A construção de um CRAS em Corumbá era antiga e vai permitir que o atendimento aos animais seja mais facilitado. Atualmente, quando os animais silvestres são encontrados feridos precisam ser transferidos para Campo Grande.

“Sabemos que isso é um sonho de muitos anos, pois atualmente nossos animais silvestres acidentados precisam ir para Campo Grande receber assistência”, explicou a diretora-presidente da Fundação de Meio Ambiente do Pantanal, Ana Claudia Boabaid.

A Fundação de Meio Ambiente do Pantanal tem o Centro de Atendimento Emergencial à Fauna Silvestre, porém a capacidade é apenas para atender animais de pequeno porte.

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja anunciou a construção do CRAS em Corumbá. “Ter uma unidade do CRAS no coração do Pantanal é estratégico e vai ajudar a salvar um número cada vez maior de animais. Temos a experiência positiva de Campo Grande, o que facilitará muito o trabalho no Pantanal”, defendeu.



Deixe um Comentário